31 de dez de 2012

Treino 289 - Último Pedal do Ano

Já está se tornando uma tradição pedalarmos no último dia do ano. Hoje o pedal foi diferente, não estava muito afim de pedalar só insisti devido a tradição. Glaycon me acompanhou no pedal e teve paciência em me esperar após as subidas onde pedalei a miseráveis 5 km/h. Estou realmente um pangaré. Mas, nada que a regularidade e a sequência de treinos não resolva.

Fizemos a Trilha da Bica, ida e volta, 31,5 km a uma média de 12,9 km/h - média pífia para quem estava fazendo este mesmo trecho a 17 km/h em meados do ano passado. Novamente , questão de treino.

Além desta minha dificuldade em desenvolver o pedal hoje ainda para completar tive um pneu furado - pelo motivo de sempre - fiz descidas de alta velocidade e pulei valetas entorntando a roda traseira (de novo) e furando o pneu. Assim, acaba a temporada de 2012 e apesar deste último pedal não ter sido lá essas coisas vale lembrar a grande conquista deste ano "Eu terminei o Desafio da Serra de Campos em Maio /2012 com o tempo de 3h10´- foram 50 km de percurso com trecho de 16 km de subida initerrupta". No próximo ano pretendo repetir a dose agora buscando um tempo abaixo de 3h.

Feliz Ano Novo a todos - Estaremos aquí para os muitos pedais de 2013. Até lá.





30/12/2012 - Treino 288 - MTB Urbano - Treino de Base

Saímos sem destino e sem planejamento. A priori a estratégia era pedalar em um local sem lama, ou seja fora da trilha, já que tinha chovido muito na noite anterior.
Seguimos pela Marginal do Rio Jundiaí, seguimos pelo bairro da ponte são joão (já em Jundiaí) bairro antigo da cidade que tem muito a ver com a história de minha família, depois fomos para a Vila Aparecida, bairro onde moravam meus avós paternos, o qual visitei muitas vezes durante a infância. Este bairro é vizinho ao Jardim São Camilo, uma das poucas favelas de Jundiaí. Pedalamos com certa nostalgia pelas diversas lembranças de infância. Na rua principal do bairro ainda moram tios e tias com os quais tenho pouco ou quase nenhum contato. Seguimos em frente e fomos para o bairro da colônia (bairro onde moravam os primeiros donatários de terra da colônia italiana idealizada pelo Barão de Jundiaí) - um deles era meu bisavô Luigi Piovesan (Luiz Piovesan - tem até nome de rua em sua homenagem). Luigi foi dono de uma das primeiras olarias da cidade e foi muito próspero até meados do sec XX. Fica também neste bairro a antiga fábrica da Ideal Standard (onde meu pai fez carreira e trabalhou por pelo menos 30 anos) , hoje a fábrica pertence a deca. Interessante o fato de que a fábrica se localizava no antigo lote de Luigi Piovesan, ou seja , foi construida sobre sua antiga olaria. Histórias de família a parte prosseguimos com o pedal pelo bairro do caxambú passando pelos restaurantes clássicos de jundiaí - das Familias Brunholi e Spiandorelo ( a esta lista acrescentaria mais um clássico o Recanto Passarin) - todos restaurantes italianos claro com alguns aspectos em comum : história, boa comida, e simplicidade. Passamos ainda pela fabrica da Cereser e seu outlet lotado nesta época do ano - Jundiaí não tem bom vinho mas, é a terra dos vinagres e da Sidra mais famosa do Brasil , a Cereser. Seguimos sentido Jarinu e faltando 10 km para chegar a cidade pegamos um trecho de trilha sentido Campo Limpo - chegamos a cidade pelo bairro do Campo Verde e subindo a tradicional subida do Gago (no início era uma subida agressiva, hoje depois de algum tempo de pedalada não é das piores que já enfrentamos). Ao todo tudo isso deu 45 km a uma média de 16,5 km/h cumprindo o objetivo do treinamento de base de aumentar o volume com regularidade - os treinos intensos ficarão para a próxima etapa do treinamento. Além disso foi um reencontro com minhas origens - tão bom nesta época do ano.



27 de dez de 2012

Urban Montada a partir da Caloi Strada 2010

A ideia era aproveitar o quadro da Caloi Strada e montar uma bike urban de tal forma que eu possa utilizar a bike nos pequenos trajetos do dia-a-dia aqui na cidade.

Eis a especificação:
Quadro : Caloi Strada 2010 (alumínio 7005 hidroformado)
Câmbio: Alívio 9V
Cassete Sram 11x32
Pedivela: Deore
Pedal Calypso Dupla Face
Freios Sora
Rodas Shimano WR500
Pneus Vittoria 700x23C
Guidão Reto Wharp
Mesa Wharp 90 mm
Suporte para Caramanhola Elite.

A bike ficou bem leve e bem ágil, além do design diferenciado (e mais agressivo do que geralmente se encontra dentre as urbans.)



24 de dez de 2012

Treino 287 - Speed pela Estrada Velha

Depois de algumas semanas correndo, fizemos hoje um treino de bike. Foram 36 km a uma média de 23,5 km/h. Começamos com ritmo bom e como sempre perdemos desempenho na subida. Pura falta de treino.

De toda forma foi uma retomada , agora o desafio é manter a disciplina e a consistência dos treinos.
Nesta fase estarei mesclando treinos de bike com corrida para acelerar a recuperação do condicionamento físico perdido. É incrivel o que 20 dias sem bike faz com a gente.



2 de dez de 2012

Treino 286 - MTB - Retomando os Treinos

Depois de 2 semanas sem treino hoje resolvi retomar. Saimos para o Morro Azul , ou seja foi um treino de muita subida e muitas descidas de velocidade. Foram 47 km, média de 13 km/h e muita força das subidas.
Agora retomar a regularidade para recuperar o ritmo em que me encontrava em setembro deste ano.
O Pedal foi divertido, encontramos gatos em uma caixa de papelão, encontramos ciclistas de Jarinu, "proseamos" com um morador do Morro Azul enquanto o mesmo pedalava conosco com uma bicicleta simples e chilenos havainas, não preciso dizer que não usava qualquer equipamento. Sinal que a bicicleta está se tornando uma febre, da mesma fora que era dos anos 70. Um Bom Treino!